A enclavar desde 2005

«São meus discípulos, se alguns tenho, os que estão contra mim, porque esses guardaram no fundo da alma a força que verdadeiramente me anima e que mais desejaria transmitir-lhes: a de se não conformarem.»
Professor Agostinho da Silva





21 janeiro 2017

Da bola...

A maldição (azelhice/falta de pernas/falta de concentração/falta de estratégia...) do JJ nos últimos minutos.

Pelo SLB, além do "momento Kelvin" que lhe tirou o campeonato, houve uma final da UEFA com o Chelsea e mais alguns desaires que agora não recordo.

Pelo Sporting, só esta época, golos decisivos sofridos nos últimos minutos...

- Eliminados das competições europeias, por perdermos 3 pontos no jogo em Madrid

- Eliminados da Taça da Liga, por perdermos com o Setúbal, já nos descontos

- Eliminados da Taça de Portugal, por perdermos aos 88 minutos com o Chaves

Ou seja, as 3 competições de que fomos afastados, tal aconteceu nos últimos momentos dos jogos decisivos.

Mas... no campeonato, o jogo com o Guimarães, também com o golo do empate sofrido mesmo a acabar, além do empate com o Chaves, tiraram 4 pontos importantíssimos na luta pelo campeonato.

Azar? Se acontecesse uma vez!

Mas acontecendo pelo menos 5 vezes, todas decisivas... é tudo o que escrevi na primeira frase.

A equipa desconfia de si própria, da sua qualidade, do que lhe possa acontecer...

Isso é notório e trabalha-se! Mas é preciso alguém que o saiba fazer. Parece-me que o JJ pode perceber de bola, mas de relações humanas/psique/emocional... está muito longe.

19 janeiro 2017

18 janeiro 2017

No país onde vive...

...um dos "meus" jovens escolheu as primeiras horas do ano para me dar ainda mais responsabilidade no que vou transmitindo diariamente aos que comigo privam.

Os ecos das nossas atitudes podem perpetuar-se no tempo e no espaço, por isso, aquelas devem ser assertivas.

17 janeiro 2017

Da bola...

Parabéns ao Chaves que eliminou Porto e Sporting!

Parabéns à Briosa que se bateu dignamente!

Parabéns aos jogadores do Sporting que não foram convocados!

Coimbra...


14 janeiro 2017

Com 30 anos, uma letra fenomenal



O Velho Francisco
Chico Buarque

Já gozei de boa vida
Tinha até meu bangalô
Cobertor, comida
Roupa lavada
Vida veio e me levou

Fui eu mesmo alforriado
Pela mão do Imperador
Tive terra, arado
Cavalo e brida
Vida veio e me levou

Hoje é dia de visita
Vem aí meu grande amor
Ela vem toda de brinco
Vem todo domingo
Tem cheiro de flor

Quem me vê, vê nem bagaço
Do que viu quem me enfrentou
Campeão do mundo
Em queda de braço
Vida veio e me levou

Li jornal, bula e prefácio
Que aprendi sem professor
Freqüentei palácio
Sem fazer feio
Vida veio e me levou

Hoje é dia de visita
Vem aí meu grande amor
Ela vem toda de brinco
Vem todo domingo
Tem cheiro de flor

Eu gerei dezoito filhas
Me tornei navegador
Vice-rei das ilhas
Da Caraíba
Vida veio e me levou

Fechei negócio da China
Desbravei o interior
Possuí mina
De prata, jazida
Vida veio e me levou

Hoje é dia de visita
Vem aí meu grande amor
Hoje não deram almoço, né
Acho que o moço até
Nem me lavou

Acho que fui deputado
Acho que tudo acabou
Quase que
Já não me lembro de nada
Vida veio e me levou