A enclavar desde 2005

«São meus discípulos, se alguns tenho, os que estão contra mim, porque esses guardaram no fundo da alma a força que verdadeiramente me anima e que mais desejaria transmitir-lhes: a de se não conformarem.»
Professor Agostinho da Silva





29 agosto 2012

Vamos continuar a brincar ao ensino???

Se recuarmos duas ou três décadas, o número de alunos que conseguiam entrar para a Universidade era muito inferior. 

As causas passavam pelas dificuldades financeiras, mas por outros factores como o facto de alguns irem aprendendo profissões (começavam nas férias de Verão e como tinham jeito, ganhavam um dinheirito e arranjavam emprego, lá continuavam e hoje são bons profissionais) e outros manifestamente não conseguirem concluir o ensino secundário e ter nota nos exames nacionais.

Com a massificação do ensino, criou-se a ilusão que TODOS os alunos podem e devem entrar para a Universidade, independentemente de serem cábulas, terem dificuldades de aprendizagem ou interesses completamente divergentes dos académicos.

Para que essa ideia vingasse, havia que reduzir a exigência e assim surgiram as benesses nas notas (os professores tinham toneladas de papéis para justificar as notas fracas e pressões constantes para serem "mãos largas"), na facilidade dos exames e até se chegou a entrar com médias negativas.

Ora com a fasquia tão baixa, era de crer que começavam a surgir os "dezanoves" e os "vintes" aos montes. Pois, quem se aplicasse e tivesse capacidades, com provas mais acessíveis, facilmente brilhava (sim, não tenham ilusões que em 10 anos não surgiu um "boom" de inteligência que levou as médias a subirem 3 e 4 valores - não me refiro apenas às médias de entrada, mas às médias dos exames nacionais). Isto não é bom para ninguém, pois mesmo os 18 e os 19 podem não ser suficientes para o curso que lhes interessa...

Com os actuais níveis de desemprego jovem (principalmente entre os licenciados), não estará na hora de mudar de rumo?

A Alemanha e a Suíça têm taxas de desemprego jovem abaixo dos 10% e Portugal ultrapassa os 30%. A Alemanha e a Suíça mantiveram há muitos anos o ensino vocacional (onde apenas 25 a 30% dos alunos seguem para a Universidade), ou seja, apenas os melhores!

Os restantes, de acordo com as suas opções e com os orientadores vocacionais, vão tendo a semana dividida entre aulas na escola e formação em contexto de trabalho (em empresas).

Agora que Portugal tem (e bem) a escolaridade obrigatória até ao 12º ano (ou aos 18 anos), não será boa ideia apostar num ensino profissionalizante a sério???

Já o tivémos, pois as escolas comerciais e industriais formaram grandes profissionais que em muito ajudaram o país.

Já sei que alguma "esquerdalha" me vai chamar elitista, mas estou na educação há muitos anos e passei por muitos sectores e ciclos (do 1º ao superior e de alunos com necessidades educativas especiais a Universidades Seniores, de cursos de Educação e Formação a processos RVCC, de escolas de província e de centros urbanos, etc.) e vivenciei pessoas que mesmo atingindo  a certificação, sentiam a terrível frustração de não terem a qualificação.

Aliás, tenho até um exemplo de como o sistema "obrigou" um menino (com notório atraso no desenvolvimento cognitivo) a ir sempre transitando, até que concluiu o 9º ano.

Como o jovem não sabia ler, não tinha competências para frequentar qualquer curso de equivalência ao 10º ano, mas como já tinha concluído o 9º, não podia frequentar nenhum curso de nível inferior. 

Ou seja, o "sistema" com o seu cariz facilitista conseguiu "cortar as pernas" a este desgraçado que tinha certificação de 9º ano mas não sabia ler ou escrever (acabou por ir para casa de uns familiares, trabalhar na vacariça, para a zona da Tocha).

Será? Era muito bom!!!

Portugal tem feito uma recuperação económica «na sombra», ao contrário da Grécia, que tem merecido «apupos», e da Irlanda, mais aplaudida, nota o Financial Times num artigo publicado esta terça-feira na sua edição online.

De acordo com o título, existem «algumas razões para um optimismo cauteloso» sobre a situação económica portuguesa, embora existam ainda diversos desafios pela frente.

A malta não pára...


28 agosto 2012

Ainda com as mãos a tremer...

... mas tinha que partilhar esta alegria.

Pedi para não porem o Éder a marcar o penalti, com medo que falhasse.

Mas o rapaz marcou e bem!!!

O SPORTING de Braga passou a eliminatória com justiça e o "meu" rapazola esteve muito bem nos 10 minutos em que jogou (arrancou dois cruzamentos muito perigosos e conseguiu no último minuto a falta que quase lhe dava a oportunidade de fazer o golo - ai as trancinhas...).

Bom, agora é aproveitar a montra da Liga dos Campeões, pois ele está lá com todo o mérito!!!

Parabéns grande máquina!!!

Esta é fresquinha...


Tal e qual!!!


27 agosto 2012

O futebol está de férias

O mês de Agosto é assim. Nem a malta das 4ªs e do Domingo recomeçam...

Ontem o Real Madrid perdeu, hoje foi o Sporting...

Já ontem, um rapazito de verde e branco mal teve tempo de aquecer, pois o mesmo que tinha expulso um jogador da Briosa na semana passada, voltou a fazer o mesmo aos 8 minutos de jogo.

Vou aguardar pelas próximas jornadas para ver se continua com o mesmo critério...

Festa Santa Ana 2012

A malta empenhou-se e apesar do programa ser porreiro, só para ver as obras (resultantes do esforço de muitos Sábados), já valia a pena passar por lá.

Um abraço à Comissão!!!

Amizade

Os meus rapazolas continuam a dar-me provas que são verdadeiros amigos. Quando menos espero, lá chega mais uma manifestação de carinho e uma prova que não se esquecem de mim.

Talvez por saberem que podem contar comigo para a vida!!!

Arborismo no Jardim Botânico

Primeiro testar o equipamento...




Depois ganhar balanço...
 
A seguir aumentar a velocidade.
Agora passar pneus a 15 metros de altura...


Parece fácil, mas abanava por todos os lados...
Mas em equipa corria melhor.


No final um número de circo só para adultos...
Soltem a parede!!!
Termina com um slide de 359metros, com uma vista soberba sobre o Mondego e parte da Universidade.

A propósito, nesta foto dá para perguntar "onde está o wally?" Mas acreditem que apareço, embora mal se note.

26 agosto 2012

Grande exemplo!!!

Rui Patrício renovou com o Sporting Clube de Portugal
"Espero também ajudar os mais jovens, os que agora estão na nossa academia, a perceberem que o Sporting não é um meio para chegar a outro lado. É antes o topo", vincou o titular da Selecção Nacional, como que desvalorizando o interesse dos tubarões europeus nos seus préstimos.

No último mês já "lerparam" 4 pessoas, vítimas dos "bobis"

«Uma mulher de 46 anos foi morta por um cão perigoso em Matosinhos.

A mulher foi atacada esta sexta-feira à noite por um cão de raça leão da rodésia/pitbul, em casa.
 
A vítima, é mãe do dono do animal e ficou com o cão enquanto o filho foi de férias para o Algarve. 
 
Foi uma vizinha que ouviu os gritos desesperados da mulher e quando conseguiu entrar na casa, viu o cão a morder a vítima. "Ferrou-lhe no pescoço e matou-a logo".
 
«De acordo com informações que foram prestadas pelos vizinhos e filha da vítima, nada fazia esperar esta reacção do cão, não obstante ser de uma raça potencialmente perigosa».

Houve dificuldades em retirar o cão. «Estava extremamente alterado, stressado e agressivo, só a filha da vítima conseguiu acalmá-lo.»

De acordo com a notícia (ver os destaques a negrito):
- Ao contrário de um caniche (por acaso não lhes acho piada nenhuma), os animais destas raças têm força para matar e sabem exactamente onde atacar para o fazer. O normal é um cão morder numa perna, não no pescoço.

- Ao contrário do que dizem os donos de animais destas raças "o meu nunca fez mal a ninguém", um cão pode de um momento para o outro, DO NADA (sim, não me venham com tangas que ficaram irritados ou stressados, porque isso também nós e os outros animais ficam e nem por isso arrancamos artérias do pescoço a quem nada tem com isso) matar uma pessoa.

Por mim, proibia de todo qualquer exemplar de animais perigosos no território português (outros países já o fizeram há muito tempo).

As armas e os carros matam mais? Sim, mas também podiam proibir as armas (na boa). Quanto aos carros, são um "mal necessário" e os acidentes os efeitos secundários (de resto, há muitas campanhas de prevenção rodoviária). Enquanto sobre os cães...

24 agosto 2012

As nossas Repúblicas...




A minha preferida é a dos Fantasmas, mas conheci malta porreirinha em muitas outras...

Há dias assim...

23 agosto 2012

Passear na história - visões...

 Compreender o núcleo da cidade muralhada (a não perder!)

A explicação seria exaustiva, mas fica só um "cheirinho" dos principais edifícios da cidade há 1000 anos atrás.

 Sim, porque os mouros atiravam com água (pelos mata-cães que a foto abaixo mostra), azeite a ferver, pedras e tudo o que lhes aparecesse, sempre que os cristãos tentavam entrar na porta de Almedina (uma das 5 que a muralha tinha).
Daí que só em 1064 os cruzados conseguissem finalmente conquistar a cidade aos muçulmanos (ainda por cima graças ao D. Sesnando que se passou para o lado de cá. Já naquele tempo havia traidores...
 Da Torre de Almedina, onde funcionou o tribunal e a câmara durante séculos, a vista é incrível...

 Percebermos o que nos rodeia, com pormenores deliciosos.

O resto do passeio teve outros pontos altos, mas por enquanto é "top secret"!!!

Lido de repente, pode induzir em erro

Diplomatas perdem e professores ganham

A notícia vem no Correio da Manhã, mas depois do título lá explicam melhor quais os professores que (nas contas deles) ganham...
 
«Os diplomatas foram os funcionários públicos cujos vencimentos médios mensais mais caíram entre Outubro de 2011 e Abril de 2012, com uma quebra de 6%. Pelo contrário, os professores universitários e do ensino politécnico conseguiram aumentos salariais entre 1% e 2,4%, respectivamente, apesar da conjuntura de austeridade.»
 
A propósito... posso parecer juiz em causa própria, mas um professor do secundário (que dá aulas ao 12º ano, por exemplo), estará mais próximo de um professor do ensino superior (de um politécnico, por exemplo) ou de um educador de infância???

É que para quem não sabe, apesar do Ministério actualmente ser o mesmo "Ministério da Ciência e da Técnica", o estatuto que rege a carreira dos Educadores de Infância, dos professores do 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e do ensino secundário é o mesmo.

Já os igualmente professores (alguns são "apenas" Mestres e no ensino básico e secundário encontram-se muitos Mestres e alguns Doutores) do ensino superior têm estatutos diferenciados, que incluem, por exemplo, remunerações bastante acima (perto do dobro), número de aulas bastante abaixo (cerca de metade), além de outras regalias para investigação e actualização de conhecimentos.

Como dizem na Rádio Renascença...

Já agora, vale a pena pensar nisto!

História para crianças (podem ser grandes)

22 agosto 2012

Alguém quer ser nomeado?

Parece que por AQUI as coisas não estão muito claras.

Espero bem que o governo não ceda aos "boys" .

Não é por o anterior executivo ter abusado dessas nomeações manhosas, que este tem o direito de lhe seguir o exemplo.

Caso contrário... "todos diferentes, todos iguais!"

Prenderam a magrinha

Para a próxima não bebem minis...

Ainda a Amizade, mas com 30 anos de diferença...

 ... ou de semelhança!!!

Amigos

21 agosto 2012

Feita cá em casa...

...mas só para sargentos e praças.

As altas patentes podem não gostar de açorda.

Enxaquecas - migretil

Parece que é um remédio com muito sucesso por cá.

Já em Moçambique, essas cefaleias tratam-se de outra maneira...

P.S. - Vejam até ao fim, com o som ligado (não vale rir a partir de meio do vídeo...)


video
(Recebido por e-mail)

Ladies and Gentlemen, Once again...The Doors

19 agosto 2012

Ainda compro uma pistola...

Atacada por cão leva 60 pontos

Como qualquer menina de quatro anos, a pequena Diana passeava alegremente com a mãe e a tia, na tarde de quarta-feira, alheia ao perigo que a rodeava. Pelas 14h00, um cão de raça dogue argentino fugiu de casa, na rua Torre de Além, em Guardizela, Guimarães, e atacou a criança. Só esta semana, Diana foi já a terceira vítima destes cães.

Altamente!!!


18 agosto 2012

Pêpê, Zézé, Vitó...

Onze inicial dos Juniores do Sporting contra o Nacional:
Mickael Meira,  
Wilson Jacó, 
Ricardo Tavares, 
Rúben Semedo,  
Braima Candé,  
Gelson Martins, 
Luka Stojanovic
Luís Cortez, 
Mané, 
Edilino
Alexandre Guedes

Posso estar muito enganado mas a atentar nos "negritos" que coloquei, calculo que mais de metade da equipa não tenha origem em Portugal.

A ser assim, dada a tradição em formar jogadores para a selecção nacional e ser das equipas de topo a que vai apresentando mais "tugas", começo a  

Causas???

Muitos sportinguistas vão atrás dos resultados e esquecem a tradição e a importância para o país de um clube com as características do Sporting Clube de PORTUGAL???

Sinceramente a Academia do Sporting começa a parecer um interposto de jogadores africanos e brasileiros que após uma boa prospecção, são vendidos para os "Barcelonas" e "Manchesters" ainda antes de se estrearem na equipa principal (seniores).

Espero estar enganado e que vão continuando a sair "Carriços", "Patrícios", Adriens", "Cédrics", André Martins" e mais uns quantos (alguns terão nomes pouco portugueses, mas são filhos de tugas.

ADENDA: fui confirmar a um site independente (zerozero) e afinal 74% do plantel de juniores é português (o Ié, o Mickael, o Wilson, etc...) são cidadãos portugueses.

Se alguém quiser comentar...


A  moça trabalhava numa clínica de animais e dedicava-se a salvar animais abandonados há dez anos.

Actualmente vivia com cinco cães - dois pitbull, um boxer mix e dois presas maiorquinos.

Duas figuras incontornáveis



Com alguns anitos de diferença...


17 agosto 2012

Comentário que vale a pena divulgar

Anónimo  A propósito do "post" sobre o doce "Fradinhas", recebi um comentário que passo a transcrever:
 
zé barbeirinho disse...

«Este doce é divinal.e com café, à noite, nem se fala.
Quem quiser a receita diga ao enclavagista do blog.»


Aproveito para agradecer tão prestável atitude, mas escusam de me pedir, pois assim de repente não conheço nenhum "Zé Barbeirinho"...

Alguém tem alguma pista???

Começa hoje o campeonato

Em Janeiro as capas dos jornais de Coimbra eram estas:

Obviamente mentiram ambos e NUNCA se retrataram.

Prejudicaram a imagem e os interesses do jogador e da pessoa em causa.

Não há vergonha!!! Também não há responsáveis???