A enclavar desde 2005

«São meus discípulos, se alguns tenho, os que estão contra mim, porque esses guardaram no fundo da alma a força que verdadeiramente me anima e que mais desejaria transmitir-lhes: a de se não conformarem.»
Professor Agostinho da Silva





31 dezembro 2011

Bom Ano!!!

Há exactamente 2 anos, publiquei ISTO!

Espero que gostem de relembrar...

Ficam os votos...

Conselhos para 2012

Aproveitem todas as oportunidades para serem felizesProtejam a vossa retaguardaEvitem escorregadelas
Ajudem quem mais precisaNão tenham medo de ser carinhososSejam firmes com quem vos chatear

30 dezembro 2011

O papel higiénico e a crise

Estará o papel higiénico na origem da crise? Não, mas é sintomático...

Em tempos...

Folhas de couve, hortelã ou carolos eram utilizados para a nobre função de limpar o rabinho, quando este se encontrava com vestígios...

O papel pardo e os jornais foram tomando o seu lugar...

Entretanto, surgiu o papel higiénico, que foi aparecendo perfumado, aveludado, em folhas duplas, triplas...

Mas como a malta era rica e gostava de ser chique, foram surgindo de várias cores e havia que combinar com o W.C. (devem pensar que todos os olhos conseguem distinguir as cores...)

De repente, pensámos todos que podíamos ser estrelas de cinema e vai de querer do "bom e do melhor", excentricidades...

Toalhetes, com mais ou menos humidade, papel higiénico para crianças (que os adultos utilizam) e sabe-se lá mais o quê...

Enfim, nem todos podemos ter rabinhos finos, embora alguns mais modestos possam ser "um mimo".

Humor do Norte

Ao que parece, esta placa esteve 24 horas no Largo de Mompilher no Porto.

A crise

A palavra mais ouvida em 2011 foi "CRISE".

Sem atribuir culpados (porque no fundo, fomos todos nós, embora uns mais do que outros...), vou passar para o teclado o que me passa pelos neurónios...

Recuem para o início dos anos 90 (apenas duas décadas) e pensem no parque automóvel (ou em quem tinha carro mal fazia os 18 anos). Eram raros os carros novos e os FIAT, Renault e Ford eram 100 vezes mais que os BMW, Mercedes ou Audi.

Ainda nessa época, pensem nos computadores (portáteis, nem pensar?) que praticamente só existiam nas casas dos mais abastados. Pensem nos telemóveis e nos aparelhos de DVD, com sistema surround, pois claro!

Floresceram "Rádios Populares", "Wortens", "San Luis" e outros que tais e todas as casas têm vários destes "electrónicos". Pois as lojas...

Ai as lojas que abriram (cinemas transformados em lojas de roupa, cafés centenários transformados em lojas de roupa e planaltos com vegetação, transformados em muuuitas lojas de roupa).

Férias no estrangeiro, guarda-roupas a transbordar, calçado ao pontapé...

Os bancos enviavam cheques e cartões de crédito pelo correio, para a malta gastar à vontade. Como se um dia não tivéssemos que pagar...

Enfim, vivemos à grande e à portuguesa!!! (Já desde os "reais tempos" os tugas mostraram invulgar capacidade de esbanjar tesouros - vindos das ex-colónias ou da "mãe-Europa").

Acontece que os créditos foram-se acumulando, o pessoal habituou-se a primeiro ter e só depois pensar em pagar, mas o pior não era isso...

O pior é que as lojas que surgiram aos molhos, não vendiam produtos feitos em Portugal (nem na Europa)!

O pior é que comprávamos por comprar, mesmo que não necessitássemos...

Mas o pior mesmo é que o Estado nos foi habituando a isso, ao permitir por parte das instituições financeiras tantos incentivos ao crédito e ao dar o exemplo a endividar-se com a construção de estádios megalómanos, submarinos a preços absurdos, projectos de aeroportos e comboios rapidíssimos, tudo como se fôssemos um país abastado e com uma economia pujante.

Agora, estamos a cair em nós... é a ressaca do consumismo desenfreado!

Durante muitos anos ouvi os mais velhos desabafarem: "agora é só comprar, só comprar... não sei onde isto vai parar!"

Comer camarão, picanha, rodízio ou leitão acontecia em ocasiões especiais e hoje já nos farta tais iguarias, preferindo uma sopa de gão-de-bico ou uns jaquizinhos com arroz de tomate.

Ir "almoçar fora" era quando o rei fazia anos...

A verdade é que deixámos de ter prazer no consumo, tal a sua banalização. Esta crise pode devolver-nos o gosto de viver certas ocasiões especiais (como passar um fim-de-semana num hotel à beira-mar).

Saibamos aproveitar os aspectos positivos e tentemos seguir o que o Jorge Palma cantou: "reduz as necessidades se queres passar bem!"

29 dezembro 2011

Futebol a sério, é às 4ªs à noite no CSRF

Ficam as estatísticas da "1ª volta" da época 2011/2012.


Alguns resultados surpreendentes?

Talvez, mas a julgar pelo jogo de ontem, onde 4 jogadores dos veteranos do Ribeirense e um guarda-redes "semi-profissional" (com dezenas de treinos, jogos e rotinas) foram impotentes para ganhar a uma equipa de "artolas"...Ai os nervos...

Eheheh!

Versão "Pepsi"


28 dezembro 2011

Hospital Pediátrico de Coimbra

Das auxiliares, às enfermeiras, passando pela cirurgiã e pela anestesista, todas mostraram profissionalismo, simpatia e não menos importante, HUMANISMO!!!

Elas estão de parabéns e eu estou muito grato pelo tratamento proporcionado ao "Sr Neco", que a propósito, pediu para deixar de ser tratado assim. Afinal, portou-se como "gente grande"!

Relativamente aos recursos físicos, também não notei grande diferença entre o Centro Cirúrgico de Coimbra...

Um serviço público de elevada qualidade! O seu a seu dono!!!

27 dezembro 2011

Está melhorzinho, obrigado!

Agora que Eusébio já deve estar a contar as horas para voltar aos cigarritos e ao Whisky, já posso dizer o que penso sobre as notícias da constipação do "Pantera Preta"!

Com dezenas, centenas, milhares de pessoas internadas nos cuidados intensivos (e que inspiram realmente cuidados), as televisões noticiavam várias vezes ao dia, não só o estado de saúde, mas principalmente, quem o visitava, quando previam que passasse à enfermaria, quando previam que tivesse alta, quantas vezes acordou durante a noite, quantas vezes tossiu ou se sacudiu convenientemente a "gaita" quando ia dar uma "mijinha".

Arre que é demais! Felizmente não era nada preocupante, logo um apontamento ou outro seriam mais do que suficientes.

Afinal, muito sinceramente, não sei o que tem de tão especial este moçambicano. Foi "apenas" um grande jogador, dos melhores que por cá passaram. Mais nada! Acabou a carreira no Beira Mar, nos EUA e no União de Tomar. Depois, graças ao álcool andou meio perdido e o SLB por caridade, deixa-o acompanhar a equipa.

O que faz ele pelo nosso país, nos últimos 40 anos???

Ainda este mês perdemos a Cesária Évora (que era tão portuguesa quanto Eusébio), e até ao fim dos seus dias continuou a espalhar a sua dimensão cultural, ou Malangatana (pintor moçambicano que faleceu este ano).

Coisa que o Silva Ferreira não consegue, pois está longe de ter o carisma de Bobby Charlton, a dimensão de Pelé ou a classe de Platini, esses sim, verdadeiros embaixadores do futebol.

O Eusébio quando abre a boca, é uma desgraça (ao menos que aprendesse a falar outras línguas, para ter desculpa...) não consegue verbalizar um raciocínio nem se lhe conhecem ideias novas (além de ter problemas de memória e de honestidade).

Eheheh

Para desenjoar...

Uma saladinha de mexilhões e gambas, que o corpo (estômago) não é de ferro...

Uma prenda de Natal para todos



Quem não tiver paciência, coloque apenas nos 55 segundos e depois feche os olhos...

26 dezembro 2011

Procurar emprego

A Natalia Perez enviou-me um mail para eu divulgar um site com divulgação e dados de emprego.

Nos dias que correm, todas as iniciativas são de louvar!

CP, REFER, maquinistas...

Não gosto quando metem tudo no mesmo saco, mas a minha ignorância corre o risco de me levar a isso. Caso o faça, fica desde já a ressalva...

Vou falar da CP (Caminhos de Ferro Portugueses ou mais recentemente Comboios de Portugal), embora a Fertagus, a Refer ou outras empresas possam também ser responsáveis pelo sorvedouro de dinheiros públicos que ano após ano vão aumentando o défice brutalmente.

Claro que um serviço público não podia dar lucro, dizem alguns.

Pois não, mas se ao menos os preços fossem apelativos... Agora o que temos são bilhetes a valores elevados (por exemplo, Coimbra Lisboa, se duas pessoas partilharem o automóvel, já não compensa ir de comboio).

Este fim-de-semana os maquinistas resolveram fazer greve. Ainda houve negociações, mas porque a administração da empresa não arquivou todos os processos levantados por numa greve anterior (são tantas...) onde não terão respeitado os serviços mínimos, amuaram e mesmo em época de Natal, vai de fazer greve!

Esta malta, além de fazerem greves constantemente, escolhem as épocas (parece que na passagem de ano está marcada outra) e mais curioso ainda, às horas mais convenientes (para eles, claro).

Das 6 às 10 e das 17 às 21 horas. Evidentemente que causam um transtorno muito maior a quem comprou o passe e precisa ir trabalhar.

Tudo bem que a greve é um direito, mas fazê-la na época de Natal e pelos motivos em causa, acho que mostrou insensibilidade e falta de respeito pelas famílias em geral. Foi uma atitude extremista e radical!

Imaginem que os professores em vez de fazerem manifestações à noite e aos Sábados, resolviam fazer greve às reuniões de avaliação. Ninguém tinha notas! No 3º período, dava direito a que ninguém terminasse o ano (ou seja, não chumbavam, nem passavam, nem entravam para a Universidade). Ou imaginem que os cozinheiros faziam greve nas duas horas antes das refeições, seria bonito, não?

Ouvi na televisão que os sindicatos pagam o(s) dia(s) de vencimento em que os maquinistas fazem greve, ou seja, ficam em casa e recebem na mesma, mas quem comprou passe (que ajuda a pagar o seu ordenado), fica sem transporte.

Os gestores continuam a ser principescamente pagos e muitos funcionários têm regalias (para si e para os familiares directos) que raros funcionários públicos dispõem nas suas áreas de actividade (os funcionários das finanças terão desconto no IMI ou no IRS?)

Por tudo isto, não ficarei triste com a sua anunciada privatização!

Vamos lá a acordar...


25 dezembro 2011

Domingo, dia de Natal

Tarde soalheira e muitas pessoas a dirigirem-se para o Forum Coimbra.

Jovens casais, algumas famílias, enfim, de tudo um pouco.

Apenas estavam abertos: o cinema, o bowling e claro... o restaurante chinês!!!

Os consumidores estavam lá, mas a malta das lojas também tem direito a descansar...

E eu? Num Domingo à tarde num Centro Comercial???

Pois é, foi o local escolhido para um reencontro com uma família "da minha rapaziada", que veio de longe e de quem tenho sempre saudades.

Valeu muito a pena, até porque pude conviver com a 2ª geração...

O Natal dos nossos dias...

Ler AQUI!!!

Natal também é isto


24 dezembro 2011

Não, não sou o único...

O carismático técnico de equipamentos do Sporting, Paulinho, vai passar o Natal na companhia de Rui Patrício.

Recorde-se que esta não é uma situação nova em Alvalade, já que todos os anos Paulinho passa a quadra natalícia na casa de algum elemento do grupo.

Já que aqui a "tasca" é Sportinguista...

Para todos os que por aqui passam, umas Festas Felizes, com saúde e alegria!!!

23 dezembro 2011

Natal é época de esperança...

Vamos ver se alguns destes "meninos de coro" são condenados pelo que nos fizeram a todos...

Parabéns "Jeniel"!!!! És uma máquina!!!

Hesitei qual das músicas seria a mais apropriada para o meu sobrinho, afinal o rapaz já faz um quarteirão deles...



Optei por colocar as duas!



Para mim, duas das obras mais bonitas feitas por portugueses...

22 dezembro 2011

Final entre Académica e Sporting???

Se o sorteio não os juntar nas meias-finais, acredito que possa ir ao Jamor assistir a um jogo histórico, onde virei certamente muito feliz, qualquer que seja o resultado.

Muito gira...


Tratamentos desiguais

Luís Suárez suspenso por 8 jogos, por insultos racistas a Evra - Por cá, o Xavi Garcia e o Alan nem chegaram a ser ouvidos...

Quando os dirigentes do Sporting denunciaram erros de arbitragem (de resto confirmados pelas notas negativas dos observadores), ouve greve aos jogos dos Leões e quase uma revolta na arbitragem - O "Bimbo da Costa" veio criticar o árbitro Duarte Gomes e este foi logo ao Twiter pedir desculpas e dizer que tinha errado.


20 dezembro 2011

Teste para receber os "bormelhos" em Alvalade

(Recebido por e-mail)

Morreu o "querido líder"

Parece que na Coreia do Norte tem sido "baba e ranho"...

Por cá, não choram, mas estão completamente órfãos do emigrante de luxo (que, lembre-se, não produz, logo não tem vencimento e não contribui com os seus impostos para a riqueza nacional).

Farrapeira


Um abraço ao tipo que dá "alma"a esta música, o da concertina (acordeon diatónico).

19 dezembro 2011

Apesar da pouca divulgação...

Além dos organizadores (Futre e Sérgio Conceição), também Rui Barros, Sá Pinto, Pedro Roma, Oceano, Dimas, Marco Ferreira e Rogério Matias fizeram uma “perninha”, bem como os pilotos de Coimbra, Filipe Albuquerque e João Figueiredo, e o cantor Toy.

A Madre Teresa recebeu os donativos com agrado e humildade...

Professores desempregados? Chega de hipocrisia!!!

Pedro Passos Coelho disse o óbvio.

Questionado sobre se aconselharia os professores excedentários a emigrar, o Primeiro ministro disse algo que qualquer pessoa diria: se não têm colocação no mercado, a alternativa ao desemprego é encontrarem uma profissão noutra área ou procurarem emprego no estrangeiro, nomeadamente nos países lusófonos.

Com o decrescimento da taxa de natalidade das últimas décadas, aliado ao aumento do número de licenciados dos cursos via ensino, o mercado de ensino português, quer no público ou privado, ficou com excesso de recursos humanos.

O desemprego é infelizmente uma realidade há vários anos nesta área e a situação não irá melhorar. Certamente nunca a curto prazo.

Em Portugal há uma série de pessoas que prefere que os políticos mintam. Ou então, como o anterior Primeiro ministro fez tantas vezes, que atirem areia para os olhos das pessoas e façam promessas que nunca serão cumpridas. Como a dos 150 mil empregos.

Se Passos Coelho fosse como outros, teria respondido que não, que o governo iria promover um plano para oferecer emprego aos professores não colocados. Que iria aumentar o número de professores nas escolas ou que iria promover a contratação de professores nas escolas privadas.

Mas a via de Passos, como nos tem vindo a provar, não é a da hipocrisia nem da fantasia. É a da realidade. Seria mais fácil, politicamente falando, se fosse hipócrita? Talvez.

Eu continuo a preferir esta total abertura de espírito para falar verdade do que tentar enganar as pessoas. De vendedores de fórmulas mágicas estou eu farto.

Nota: este post surgiu a pedido de um ilustre "anónimo" e foi picado aqui

O arquiteto Souto Moura ainda recentemente sugeria o mesmo:
http://jpn.icicom.up.pt/2011/03/30/entrevista_souto_moura_aconselha_jovens_arquitectos_a_emigrar.html

E o bastonário da Ordem dos Engenheiros também aconselha os jovens engenheiros a emigrar
http://www1.ionline.pt/conteudo/100606-portugal-exporta-engenheiros-e-arquitectos-o-brasil

Agostinho da Silva

«Deus não exige de nós nenhum culto (...). Todos podemos ser sacerdotes, porque todos temos capacidades de Inteligência e de Amor (...) Estão ainda longe de Deus, de uma visão ampla de Deus os que fazem consistir o seu culto em palavras e ritos (...)

Professor Agostinho da Silva

Agostinho da Silva nasceu no Porto em 1906 e cresceu em Barca d'Alva.

Na faculdade de Letras do Porto conclui a licenciatura em Filologia Clássica com 20 valores e o doutoramento com o «maior louvor».

Agostinho torna-se efectivo do liceu José Estêvão em Aveiro, em 1933.

Apenas dois anos depois de entrar para o ensino público, o professor é exonerado, por se recusar a assinar a Lei Cabral. Um documento onde tinha que jurar não pertencer a nenhuma sociedade secreta. Para além de Agostinho, só houve mais duas pessoas a dizer não: Fernando Pessoa e Norton de Matos.

Desempregado, Agostinho da Silva começa a dar aulas no ensino privado e explicações particulares. Mário Soares, mestre Lagoa Henriques, Manuel Vinhas, os irmãos Lima de Faria foram apenas alguns dos seus pupilos.

Dava aulas de Filosofia, Cultura Portuguesa, Direito, sendo uma homem perfeitamente pluridimensional. Para além disso, falava 15 línguas e dois dialectos africanos.

Fez hoje 50 anos

A 19 de Dezembro de 1961 a PIDE assassinou a tiro, em pleno dia, numa rua de Lisboa, o pintor José Dias Coelho. Depois o nosso Zeca Afonso quis recordar este senhor, numa belíssima canção.

18 dezembro 2011

Acabei de ganhar um jantar!!!

... E não lhe vai sair nada barato, garanto!!!
Então este sacanita esteve aqui a jogar aos piões (Bey Blades), "a pedir desculpa" por não ter marcado aos "bormelhos" e aos "murcões" e riu-se quando o avisei que contra o Sporting que levasse as botas trocadas???

Parabéns miúdo!!! Desde que estejas na Briosa, quero que marques sempre, seja contra quem for!

Abraço!

Figo desiludiu-se com Sócrates

«A política não me interessa. Deixou de me interessar. Apoiei um candidato porque, na altura, achei que era a pessoa adequada. Não que eu seja do partido A, B, C, ou D, mas pensei que ele poderia ajudar Portugal a crescer e a melhorar as coisas. Errei. Enganei-me, como se enganaram milhões de portugueses que votaram nele. Mas eu, por ser figura pública, tive consequências disso
Só se desilude quem se chega a iludir. Às tantas foram os 75 mil euros pagos por uma empresa pública gerida por um "boy" "xuxalista" que iludiram este "pesetero"...

Para terminar a semana com chave de ouro

16 dezembro 2011

15 dezembro 2011

Esta criatura...

... não é uma pessoa qualquer, é deputado, dirigente do PS e vice-líder da bancada parlamentar socialista.

Ou seja, tem responsabilidades acrescidas!É ASSIM que defende os interesses de Portugal? É esta a opinião do actual PS sobre a questão do pagamento da dívida externa?

O Bernardino Soares e o Louçã que se cuidem, pois este ainda lhes tira o lugar...

Em breve???











Nem tu, Amália???


14 dezembro 2011

Bodas de prata

Faz hoje 25 anos que o resultado 7-1 passou a ter outro significado...

Ainda hoje é a maior diferença de golos num derby... SEIS!!!
Esta imagem de adeptos "bormelhos" a queimarem cachecóis e bandeiras do SLB, nas bancadas do estádio de Alvalade (não consta que tenham sido julgados ou condenados...), pode ser vista e comentada aos 2'20'' do vídeo que aqui fica.

http://www.youtube.com/watch?v=XnFWgs3_uro

Entretanto, hoje, já que é Quarta-feira, vai-se realizar um jogo digno da Liga Europa A (antiga dos Campeões), onde Lázio e Sporting de vão defrontar (pena o Domingos aproveitar para rodar os menos utilizados...), pois jogos destes não acontecem na Liga Europa B, com o Basileia e uns romenos que ninguém consegue dizer o nome...

Ainda outra "outsider"


Mais uma que ficou de fora...


13 dezembro 2011

As "bichas-cadelas" das nossas vidas

A forficula auricularia, também conhecida por bicha-cadela, é omnívora (ou seja, tenta comer de tudo o que lhe apareça).

Consegue introduzir-se em espaços estreitos, sobe paredes, até nada se a isso for obrigada, mas normalmente abriga-se covardemente em fendas, onde não pode ser confrontada.

Tem fama de possuir peçonha, o que faz com que algumas pessoas a temam.
A "bicha-cadela" é um bicho que se esforça, nunca pára e consegue por vezes causar estragos (por acharmos que infesta as coisas por onde passa), fazendo com que deitemos fora bens preciosos, apenas porque tal rastejante por lá se imiscuiu.

Este animal, que habita alguns dos espaços onde convivemos, causa gritos de pavor aos mais susceptíveis, repugnância a muitos e é mesmo espezinhada por outros, mas quase ninguém lhe fica indiferente.

Tenta ir passando despercebida, apenas intimidando os mais pequenos, mas quando começa a ser avistada, sente-se perdida e começa a "rabiar" para todos os lados, numa roda-viva aflitiva.
Por muito asco que possam sentir por tal criatura, lembrem-se que é apenas um insecto rastejante e não passa disso mesmo.

Pessoalmente, acho que a melhor maneira de lidar com tais insectos, é não os valorizar, mas caso realmente insistam em chatear...

Esta também não é património mundial


12 dezembro 2011

Coimbra

Para quem gosta da sua cidade, para quem tem saudades dela, ou para quem quer conhecer um bocadinho mais.

Fica um dos melhores trabalhos sobre a "Lusa Atenas".

http://player.vimeo.com/video/30144885?autoplay=1

Engenheiro o tanas!!!

Correio da Manhã - Por que razão só agora decidiu revelar os originais do curso de José Sócrates?

Rui Verde - As condições políticas alteraram-se. Desde 2007, fui falando com algumas editoras, mas não passou disso. Acho que na altura ninguém se atreveu a dar um ‘forward' ao livro.

- Pertencendo ele a turmas, como é que se explica que o nome apareça isolado nas pautas?

- É uma das questões que não é muito clara. Porque é que aparece só o dele? Estranho...

- E também não há registo de uma tese final.

- Pois não. Se houvesse, tinha ficado registado na biblioteca. A minha experiência diz-me que quanto mais cavo, mais descubro. Há um mistério por desvendar, isso há.

- E há registo de propinas?

- Na matrícula diz ‘isento'. Porquê não sei. Não estou a ver a razão.



Última ementa de 2011


Entretanto, parece que ninguém quer receber o dinheiro das refeições...

Fado, fadinho e faduncho

Ao que parece, a canção de Coimbra (para muitos o fado de Coimbra), ficou fora daquele que foi reconhecido como património imaterial da humanidade.

Lamento que os mestres Carlos Paredes e Zeca Afonso, por exemplo, fiquem de fora de tal "comenda", mas nem todos os tímpanos estarão aptos a ouvir pérolas com esta...



Pessoalmente, fico satisfeito porque o fado de Coimbra continuará a ser apenas património de quem sente e ama esta cidade e esta Academia.

Entretanto, o "cante alentejano" também está na corrida e não sei se não irei promover alguns improvisos do Rui "Nabigo" a tal distinção...

11 dezembro 2011

Sporting Clube de PORTUGAL

A equipa começou com 4 portugueses e terminou com 6.

Apesar de alguns insistirem em comparar com quem utiliza ZERO, ou no máximo UM, não é bem a mesma coisa...

O Sporting é uma das equipas da 1ª Liga que utiliza mais jogadores portugueses e ainda assim, bate-se pelos lugares cimeiros!!!

Manoel de Oliveira - 103 anos

Este super-homem, ainda tem ESTA actividade toda. Dasssssseeeeeeeeeee!

Esta é recente...


09 dezembro 2011

Ainda os piratas informáticos...

Não tem melhoras nenhumas...

Sócrates veio à televisão explicar o que queria dizer e não disse:

“Referia-me ao pagamento integral e imediato da dívida de Portugal, assim como a de Espanha.”

Como se tantos anos a falar em grandes palcos não lhe tivessem dado preparação para numa conversa entre colegas se enganar...

Mas o curioso é que a explicação faz lembrar o Badaró "eu expilico, você só compilica!", pois até o meu filho sabe que não é possível Portugal pagar integralmente e de forma imediata a dívida.

Ou seja, vai estudar para a China (para junto do primo) pois França é muito perto e ainda cá chegam os ecos da tua estupidez.

Palhaço de me**a!!!

Bom fim-de-semana

Malvados piratas...

Ataque informático


Informa-se que os piratas informáticos resolveram atacar aqui o "tasco", pelo que não me responsabilizo pelo que aqui possa surgir durante o dia de hoje.

08 dezembro 2011

Liga dos quê????

Definitivamente este ano as competições da UEFA estão invertidas.

Qual vos parece ser a Liga dos Campeões e a Liga Europa???

APOEL
Basileia
SLB
Nápoles
Bayer Leverkusen
Marselha

Manchester United
FCP
Manchester City
Ajax
Valência
SPORTING

A mesma música, com uma versão saudosista...


07 dezembro 2011

Cá se fazem...

O Miraldinho foi aniversariante esta semana, e daqui a pouco terá um bolo à espera, com esta imagem "estampada".

Continua igual a ele próprio...

O ex-primeiro-ministro José Sócrates comentou em Paris a crise na Europa, durante uma conferência com colegas universitários da Sciences Po, onde estuda Ciência Política.

Vejam e ouçam (se tiverem saudades): "Para pequenos países como Portugal e Espanha, pagar a dívida é uma ideia de criança. As dívidas dos Estados são por definição eternas. As dívidas gerem-se. Foi assim que eu estudei", disse.

Este asno é caloteiro assumido!!! Julga que Portugal, estando integrado no pelotão da União Europeia pode ser como a Guiné, a quem as dívidas vão sendo perdoadas, por a sociedade não estar organizada e as pessoas não terem qualidade de vida.

Acham que os países mais ricos nos continuavam a emprestar dinheiro barato para a malta ir de férias para o estrangeiro e ir a bons restaurantes todos os fins-de-semana?

O principal responsável pelo estado a que o país chegou continua a pensar que fez muito bem e gastar sempre e cada vez mais é que é bom, pois eles acabam por perdoar a dívida...

Irresponsável e burro, trata a Espanha como um pequeno país, sendo uma das 5 maiores da Zona Euro.

FCP, já foste!!!

Sou português, mas não sou "portoguês"!

O Zenit tinha o Danny (que teve escola...) e anda por lá o "Bruto Alves".

O FCP tinha uma maçã podre, um cabo-verdeano e depois lá entrou o Varela.